sábado, 31 de março de 2012

Lusitano...


Tiago Monteiro e seu Midland M16 equipado com o motor Toyota RVX-06 V8 sendo perseguido por Giancarlo Fisichella - Renault R26 durante o GP da Hungria de 2006, disputado no circuito de Hungaroring...

O português Monteiro foi o 16º no grid de largada terminando a prova na 9ª colocação, a 3 voltas do vencedor...

Jenson Button (Honda) venceu pela 1ª vez na F1, Pedro de la Rosa (McLaren) foi o 2º colocado e Nick Heidfeld (BMW Sauber) completou o pódio...

A pole position foi de Kimi Raikkonen (McLaren) e Felipe Massa foi o autor da volta mais rápida da corrida – 01:23.516...

6 comentários:

Anônimo disse...

... e M.C., manda: por onde andará o Gajo ? Poderia ser uma bomba o bombólido mas que era bonito era. Tinha asa prá tudo que era lugar ! Hungahorroring, o pior GP do mundo, não faz mais parte do circuito... Graças à Deus ! Era chatééééééérrimo ! Pior que Mônaco. Quero velocidade ! Velocidade ! E velocidade ! E pior ainda é que circuitinho detém umas das mais lindas ultrapassagens da F1 ! Fazer o quê ?

Leandro Legal disse...

O carro da extinta Midland não era rápido e nem competitivo, mas o nosso piloto lusitano, era bom e braço e merecia oportunidades melhores na categorai máxima do automobilismo mundial.

À propósito... o carro era lindo!!!

Luiz Paulo Knop disse...

Do tempo que equipe pequena figurava entre as 20 do grid... hoje, como diz Galvão Bueno, é GP2 correndo de F1...

André Candreva disse...

M.C.

sinceramente não sei por onde anda o gajo...

o carro é bonito mesmo... mas a pista, apesar de ter um traçado chato, realmente teve lá um duelo SennaxPiquet que ficou para a história...

sensacional...

abs...

André Candreva disse...

Leandro,

o carro era bonito mesmo...

quanto ao piloto sinceramente não sei dizer bem a respeito...

abs...

André Candreva disse...

Luiz,

tem toda razão...

abs...