domingo, 10 de julho de 2011

Dom Alonso: o Príncipe das Astúrias...

Amigos, o GP da Inglaterra disputado no novo traçado de Silverstone foi sensacional. Emoção do início ao fim. Todos os ingredientes estavam reunidos: suspense, surpresa, erros, chuva, tristeza e claro, alegria.

Alegria de Fernando Alonso que enfim, triunfou nesta temporada. E bem ao seu estilo. Quando os carros do "Touro Vermelho" definiram as duas 1ªs posições no grid de largada, pensava-se que a vitória era certa. Pensava-se. Mas corrida de automóvel não depende só do piloto ou só da máquina. Depende também da equipe. E essa falhou tanto com Webber quanto com Vettel em suas paradas nos boxes. Falhas que definiram o GP da Inglaterra, permitindo que Alonso assumisse a ponta e não largasse mais.


Foi a sua 27ª vitória na F1, igualando-se ao tri-campeão, o escocês Jackie Stewart. Uma grande marca para o Princípe das Astúrias que vem "tirando leite de pedra" de seu F-150 nesta temporada.

É certo que a equipe do cavalinho rampante progrediu demais nesta temporada e grande parte dessa evolução deve-se à Alonso. 

Vettel foi o segundo sendo pressionado no final por Webber que fechou o pódio. O alemão lidera com muita folga o mundial de pilotos.

Em 4º chegou Hamilton depois de uma disputa limpa (do meu ponto de vista) com Massa no final da prova. Barrichelo, que segue em seu calvário, chegou na 13ª posição.

Com a vitória de Alonso, o mundial passa a ter nova perspectiva e assim aumentando expectativa por novas disputas nas provas restantes. Força ao Alonso e tudo pela emoção na F1.

Valeu...

2 comentários:

Renê - Congonhas disse...

Enfim o espanhol deu o ar da graça. Tá ficando bom Candreva.

Fabricio Moura - Lafaiete disse...

Lá vem a Ferrari. A briga vai esquentar!