quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Di Grassi confiante para 2011

Após o anúncio de que o belga Jerome D'Ambrosio assumirá seu lugar nos primeiros treinos livres em Cingapura, Japão, Coreia do Sul e Brasil, Lucas di Grassi não se mostrou preocupado com a chance de perder a vaga na VRT em 2011. A equipe inglesa confirmou o alemão Timo Glock na primeira vaga, e o posto do brasileiro estaria a perigo, apesar dos elogios dos engenheiros.
 
"- Estou muito confiante em meu futuro na Fórmula 1. Sempre dependerá do mercado de pilotos no momento, é claro, mas estou muito feliz na VRT. Trabalhamos muito neste ano, mais do que as pessoas acham, e seria normal ter uma continuidade disso. Mas é claro que estou negociando com outras equipes e analisando minhas oportunidades - palavras do brasileiro".
 
Di Grassi lamentou a cessão da vaga a D'Ambrosio no primeiro treino livre em Cingapura. O brasileiro disse que o tempo de pista perdido será complicado na pista de rua asiática.

- Será a primeira vez que vou pilotar no circuito de Cingapura. É uma pena que eu vá perder a primeira sessão para o Jerome andar, já que este é uma das pistas mais difíceis de todo o calendário. Mas foi uma decisão da equipe, que pensou exclusivamente na questão financeira, e tenho de acatar. Isso vai comprometer a minha adaptação às condições da pista e também o acerto do carro. Mas vou fazer o máximo possível para recuperar o tempo perdido no segundo treino. Como competidor, é uma situação frustrante. Mas é mais um desafio para mim nesta corrida, e não vai me impedir de tentar fazer o melhor possível durante todo o fim de semana.

Minha opinião: O Di Grassi tem potencial. Mostrou ser rápido e consistente quando o carro permitiu. Acredito na evolução da equipe em 2011 e se ele for mantido terá melhores condições de mostrar seu valor.

Um comentário:

Marcos Lindolfo Jr. disse...

Ele é um bom piloto mas não teve chance assim como o Bruno Senna. Torço para que os brasileiros consiguma vaga para 2011