quarta-feira, 25 de agosto de 2010

McLaren não vai usar o F-duto no GP da Itália. Será?


A equipe McLaren anunciou que não vai usar o F-duto no GP da Itália, dia 12 de setembro em Monza. A notícia é “capa” da revista Autosport na internet. A criadora do advento explica que o tipo de aerofólio usado especialmente lá, não necessita de tal equipamento.

O duto foi criado pela equipe de Woking para ganhar maior velocidade em retas e até ganhar mais downforce nas curvas, pois o aparato “se garante” quando o carro acelera em linha reta. Com ele, os carros chegam a ganhar até 20 km/h a mais de velocidade.

A decisão da McLaren, e provavelmente de todas as outras do grid que utilizam o F-duto, é proveniente do tipo de aerofólio traseiro usado na veloz pista italiana. Lá, as equipes utilizam-no praticamente na posição horizontal, criando pouco downforce, com isso, diminuir-se-ia, ou até anular-se-ia, a eficácia do duto.

Nenhum comentário: