quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Brasileiro Bruno Senna pode fechar com a Honda para 2009

O brasileiro Bruno Senna, atual vice-campeão da GP2 (categoria criada para revelar talentos à Fórmula 1), pode fechar contrato com a Honda para 2009. No entanto, pelo menos por enquanto, é maior a possibilidade de que ele se torne piloto de testes da escuderia.

A equipe japonesa, atualmente com Rubens Barrichello (BRA) e Jenson Button (ING), está muito mal no atual Mundial de Fórmula 1. Entre os construtores, ocupa a nona e antepenúltima posição, com apenas 14 pontos (11 de Barrichello e três de Button).


Por isso, a escuderia está disposta a fazer mudanças para a próxima temporada. Os dois pilotos não têm contrato garantido. A equipe já demonstrou interesse no espanhol Fernando Alonso, da Renault, e no alemão Nick Heidfield, da BMW.

Já o sobrinho do ídolo brasileiro Ayrton Senna foi elogiado nos últimos dias pelo diretor executivo da Honda, Nicky Fry. Mesmo assim, é difícil que ele assuma uma vaga de piloto titular.

No início desta semana, Bruno Senna afirmou que está preparado para chegar à Fórmula 1. "Se eu tiver a chance de ser titular, o que inclui a tarefa de desenvolver o carro e o envolvimento com a equipe, cada quilômetro rodado será valioso e poderei acelerar meu aprendizado. Para ser sincero, não será uma situação nova para mim. Tem sido assim desde que cheguei à Europa", declarou.

A Toro Rosso também estaria interessada no trabalho do brasileiro, mas a escuderia italiana está mais perto de fechar com o suíço Sebastien Buemi.

Bruno Senna é o atual vice-campeão da GP2




Nenhum comentário: